08/08/2012

Qual Será O Meu Galardão?



Qual Será O Meu Galardão?
0

"Galardão".

O Novo Testamento fala, com frequência, de galardões futuros reservados para o cristão.
Trata‑se de recompensas ou prémios, e estão disponíveis a todos.
Um copo de água fria dado a um discípulo só pelo facto de este pertencer a Cristo será motivo de galardão.
Marcos 9.41.
"Porquanto, qualquer que vos der a beber um copo de água em meu nome, porque sois discípulos de Cristo, em verdade vos digo que não perderá o seu galardão."E o Senhor avisou que voltará, e que com Ele estará o galardão para ser dado a cada um segundo as suas obras.
Apocalipse 22.12.
"E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra.
Aquele que trabalha na obra de Cristo, caso o seu trabalho permaneça, receberá o seu galardão.
1ª Coríntios 3.8-14.
Do mesmo modo, aquele que faz o mal será recompensado também, só que de acordo com o mal que praticou.
2ª Samuel 3.39.
"Que eu hoje estou fraco, ainda que ungido rei; estes homens, filhos de Zeruia, são mais duros do que eu; o Senhor pagará ao malfeitor, conforme a sua maldade."
Não é o galardão o nosso objectivo, mas cada um de nós deveria estar pronto a dizer que é o amor de Cristo que nos constrange a fazer algo por Ele, ou melhor deixe-me colocar aqui a realidade, não é própriamente fazermos trabalho para Deus que alegra o coração de Deus, mas quando deixamos Deus fazê-lo através do nós, porque o nosso mal muitas vezes é querermos fazer e nunca damos lugar a Deus para ser Ele a usar-nos, se sempre deixássemos Deus nos usar as coisas seriam diferentes, as almas seriam atraídas a Jesus e não á igreja, a união entre os irmãos seria mais notada pelas pessoas de fora, e haveria mais crentes cheios do poder de Jesus Cristo.
Então poderíamos dizer, e afirmar as palavras de Paulo.
“Porque o Amor de Cristo nos constrange”.
2ª Coríntios 5.14.
"Porque o amor de Cristo nos constrange, julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo todos morreram."
Mas Deus decidiu dar recompensas por causa de seu amor e graça tão abundantes, para que sirvam de encorajamento no meio dos perigos e dificuldade que enfrentamos no caminho a cada dia.

"ATENTOS".

E devemos ficar atentos para que não percamos nossa recompensa.
Colossenses 2.18
"Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão,"
Apocalipse 3.11.
"Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa."
É importante que se deixe bem claro que o galardão ou a recompensa nada tem a ver com a Salvação, que é recebida por fé no Senhor Jesus e graças à Sua obra consumada na Cruz.
Nada podemos fazer, de nós mesmos, para recebermos a salvação ou para nos mantermos de posse dela.
Trata‑se de um dom de Deus.
E quanto ás nossas obras aqui, entre as que são segundo a vontade de Deus serão por Ele recompensadas.
E naquele dia entenderemos que nada fizemos de nós mesmos:
Foi Ele mesmo que fez tudo e só nos usou como instrumentos.
A princípio não mereceríamos tais recompensas, pois foi tudo obra d Ele, mas por Seu amor deseja concede‑las, e nós com alegria as receberemos da Sua Sagrada Mão.

0

"LIBERTAÇÃO".

Conhecedor do Amor e da Justiça,
Escuta outra vez a minha prece,
O grito do meu coração que aparece,
Dentro da minha alma a ti submissa.

O que dorme tranquilo e sereno,
Ás sombras de cedros, seculares,
Como o levita que sobe aos altares,
Impasse da luz e do fragor terreno.

Acorda-o e que o sol alto e pleno,
Afugente as larvas das veredas tumulares,
Que surja e saia de dentro desses mares,
Ache novo mundo que aparece com um aceno.

E em Ti está o governo das nações,
Busquem a liberdade entre clarões,
O que por Ti sofre, e não se abate.

Sonhador que ergue a espada em combate,
O guerreiro santo na areia movediça,
Em Tua força que a vida medra e viça.
Por: Antonio Jesus Batalha.



Peregrino E Servo, António Jesus Batalha,
Bíblia Sagrada, Ciência, Desporto,
Deus,Jesus Cristo,